O PERISPÍRITO TEM ÓRGÃOS?

Estou lendo um livro muito bom, Espirito e Matéria, de Cosme Massi. A vantagem deste autor sobre muitos outros é ser extremamente fiel à codificacão karceciana e ter uma postura de absoluta racionalidade  na defesa de seus argumentos.  Não é o livro um conjunto de achismos e especulações tão comuns para o estudo de temas transcendentes como é o espírito e a realidade do mundo espiritual.

Em O Livro dos Espíritos, aprendemos que o perispirito é semi-material. Significa que possui propriedades atribuídas à matéria e outras desconhecidas por nossa ciência e inconcebíveis ao nosso intelecto e sentidos. De natureza fluídica, possui extrema plasticidade. Significa dizer que a vontade do espírito o modifica profundamente.

O perispirito é constituído por materiais do ambiente onde se encontra o espírito. O espírito, seja qual for seu grau evolutivo, sempre se encontra unido ao perispírito e o contrário também é verdade: não existe perispirito sem espírito a ele associado. O corpo espiritual é sempre um efeito, um retrato da condição intelectual e moral do espírito.

Se o perispírito é um efeito, um resultado do ser espiritual, para que existe? Qual a finalidade de sua existência? Suponho que seja necessário para individualizar o espírito. Como um espírito reconheceria o outro se não existisse algo substancial para que pudesse ser identificado? É verdade que não sabemos a natureza íntima do espírito, mas sabemos que não é algo material. A matéria ou energia não tem consciência, não tem vontade ou inteligência. Sabemos, portanto, que o espírito não é matéria e não é energia. Certamente o espírito é algo, mas não temos condições mentais e sentidos que o possam compreender ou identificá-lo sem o auxílio do perispírito

O perispírito tem organização fluidica que reflete a ação mental e o automatismo alcançado na longa história evolutiva do ser espiritual. Não tem, entretanto, órgãos como nós entendemos. É fácil perceber por que é assim. Se existissem órgãos no perispirito, os mesmos poderiam sofrer danos como qualquer órgão pode sofrer. Se houvesse essa possibilidade, o espírito poderia ser modificado através da modificação do seu perispirito, quando na verdade, é o contrário que ocorre.

Nas cirurgias espirituais, a modificação do perispírito é um reflexo das modificações que estão ocorrendo no ser espiritual. Se assim não fosse, o perispirito poderia ser harmonizado e mesmo embelezado tornando-se luminoso, sem que houvesse qualquer transformação moral e emocional no espírito. Não é sem motivo que Jesus ao curar dizia: a tua fé te curou. Não existem técnicas avançados ou outros métodos que possam modificar a realidade do ser espiritual sem que este se modifique.

Quando dizemos que o perispirito não tem órgãos, não estamos afirmando que o mesmo não tenha uma estrutura ou seja amorfo. Queremos dizer apenas que é uma realidade fluídica de extrema plasticidade e modificável pela vontade do espírito. É um resultado, nunca a causa. Quem adoece ou é belo ou feio, não é o perispirito, mas o ser espiritual em equilíbrio ou não, vinculado à sua realidade de ser imortal ou ainda apegado à matéria.

2 pensamentos em “O PERISPÍRITO TEM ÓRGÃOS?”

  1. Caro João, no meu ponto de vista o perispírito não tem órgãos como o carpo físico. Mas não deixa de ser um organismo fluídico. Li esse bom livro de Cosme Massi. Realmente fiquei com algo a pesquisar. Muita Paz.

    1. Exatamente. O espírito não é matéria ou energia que são realidades equivalentes. Obviamente a matéria e a energia não pensam e jamais poderiam ser a explicando para o espírito, mas o espírito há de ser feito de algo, pois, não é uma abstração, um pensamento apenas.
      Da mesma forma o perispírito foi classificado pelos espíritos como sendo semi-material por possuir características materiais e também não materiais.
      Felicidades:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *